terça-feira, 17 de abril de 2018

Pró-Ana?

Olá magrelas ❣

Como vocês estão?

Bem, eu acho que lhes devo explicações. Muitos de meus posts são muito “poéticos”, isso porque quando baixa a inspiração aqui parece que as palavras fluem livremente. Geralmente isso acontece em momentos de crise.
Mas vamos falar de outra coisa, falaremos de influência.

Eu sou pró-ana?

Não!!!

Eu não sou a favor da anoréxia! Nem da bulimia.
Mas Any, o que você escreve e o jeito como você escreve influencia muitas outras garotas, principalmente as mais novas.
 Não minha senhora, não é bem assim. Uma pró-ana quer recrutar e reter mais garotas para esse “estilo de vida”, elas dizem como a ana é maravilhosa e sem defeitos, escondem completamente as verdades por baixo de promessas, sonhos e unicórnios. O que eu escrevo pode sim inspirar muita gente, entretanto minhas caras fadinhas, não se provoca uma doença psicológica em alguém que já não a tenha. A pessoa adquire essas condições durante as más experiências que têm durante a vida. Pode ser dos mais diversos tipos de abuso, bullying, autoritarismo, isso geralmente atrelado a condições psicológicas herdadas ou pré-determinadas. Têm influência, mas da mídia. “Ah tá, e teu blog é o quê? Não é mídia não?” Honey, estou falando de influências que vem desde a primeira infância. A Disney é hardcore nesse quesito. As lindas e magras princesas com seus cabelos perfeitos, seus traços perfeitos, seus tamanhos perfeitos. E o que me diz da Barbie? Ah essa sim! Tem padrão de perfeição mais explícito que a loura de olhos azuis, magra de medidas simetricamente estabelecidas, que é boa em tudo que faz? 
Parece que estou querendo tirar a “culpa” da blogesfera anamia, mas não é assim. Sei que forneço inúmeras informações, e eu ajudo sim (mas sempre aviso que não é o melhor caminho a se tomar), o que se tem que entender é que as pessoas têm ou não têm transtornos alimentares, isso não é criado como um passe de mágica por blogueiras como eu - e vocês.

 Para finalizar, vamos conceituar para deixar bem claro a diferença de uma pró-ana/pró-mia para uma ana/mia:

Pró-anamia: estimulam propositalmente. Convidam novas pessoas para seguir este estilo de vida. “Vendem” os métodos dizendo-lhes serem os mais eficazes.

Apenas anamia: sofrem com o transtorno e podem sim gostar (de certa forma) de ter isso, porém não o desejam a ninguém.

Uma linha tênue, mas que há tempos eu precisava esclarecer.



Bem unicórnias, sobre minha última semana:

As coisas realmente não andam fáceis. A Universidade está exigindo muito de mim,  e a pesar de eu ter melhorado no quesito procrastinação,  ainda enrolo muito para fazer  as coisas.  Minha mãe passou um tempo trabalhando e saiu para cuidar dos meus avós que adoeceram,  meu avô permanece no hospital com suas grosserias.  Fica para mim toda a tarefa doméstica, os cuidados com minha filha durante o dia e tudo que tenho que dar conta de estudar.  Não está o fim do mundo,  mas me sinto sobrecarregada.  Consegui sair da casa dos 80 mas estou na zona vermelha: sempre entre 78 e 79. Isso está me cansando, é triste saber que eu não consigo evoluir porque não me esforço o suficiente.  Gostaria de fazer mais por mim e eu até poderia,  mas precisaria deixar de ser covarde é ir além  dos meus frágeis limites.  Vergonha na cara é o que me falta,  força de vontade,  foco e paciência. Paciência é essencial. Eu levei 7 meses para me livrar de 20kg, engordei 28 em mais ou menos 1 ano.  Leva tempo, e é difícil esperar,  é difícil manter um plano por um longo tempo.  Já estamos em  abril e se foram  apenas 5kg. É cansativo se meninas... Tem um vestido que namoro a meses e não posso usar,  mesmo tendo o número 42 aquele vestido nunca caberia em mim,  nunca.  É maravilhoso.  Enfim,  não vou ficar reclamando. Tô tentando uma dieta e venho falar sobre depois que eu terminar. 


CHÁS

Eu sempre odiei chás. Já tinha tentando antes e tinha odiado. Mas como eu meio que comecei a amar café - o que eu também odiava - resolvi tentar o chá novamente - e pasmem, eu gostei ou me obriguei a gostar. No primeiro dia foi difícil, mas eles me proporcionaram efeitos tão bons que eu agora os amo, e os recomendo muito.

Conheçam os benefícios os chás que costumo consumir:

• CHÁ VERDE: O principal benefício do chá verde é ajudar a emagrecer, porque tem cafeína e catequinas que aceleram o metabolismo, fazendo com que o organismo gaste mais energia, além de facilitar a digestão, ajudar a regular o intestino e combater a retenção de líquidos no organismo.
Além disso, o chá verde, que pode ser em pó solúvel, saché ou em cápsulas por exemplo, é rico em antioxidantes e, por isso, tem outros benefícios como:
  • Proteger as células do organismo;
  • Retardar o envelhecimento celular;
  • Combater o colesterol;
  • Prevenir doenças do coração;
  • Ajudar a prevenir vários tipos de câncer.

Como o chá verde tem cafeína, ele também ajuda a aumentar a concentração mental e, por isso, deve ser tomado especialmente na parte da manhã. 

• CHÁ DE HIBISCO COM GENGIBRE E CANELA:  O hibiscos, a canela e o gengibre possuem excelente ação antioxidante e anti-inflamatória, sendo coadjuvantes no emagrecimento.

Ingredientes:
  • 1 xícara (chá) de água filtrada
  • 2 colheres (chá) de hibiscus
  • 1 unidade de canela em pau
  • 1 colher (chá) de lascas de gengibre

Modo de Preparo:
Ferver a água. Em uma xícara colocar o hibiscus, a canela e o gengibre. Tampar por 5 minutos e coar. Servir em seguida.
Hibisco: A bebida conta com diversas substâncias antioxidantes, como os flavonoides, especialmente as antocianinas, que possuem efeito cardioprotetor, vasodilatador e contribuem para evitar o acúmulo de gorduras.
Este último efeito ocorre porque o chá reduz a adipogênese, processo no qual há produção de células de gordura, os adipócitos, cujo excesso leva ao acúmulo de gordura no corpo.
O chá de hibisco também emagrece porque contém um inibidor que bloqueia a produção de amilase, uma enzima que transforma o amido em açúcar. Beber chá de hibisco após as refeições vai ajudar a reduzir a absorção de carboidratos, o que gradualmente levará à perda de peso.

Canela: possui ação termogênica, colaborando com o processo metabólico e, é claro, o gasto de calorias na digestão dos alimentos.
Já efeito anti-inflamatório é ideal para combater o excesso de peso, pois a gordura nada mais é do que um constante quadro de inflamação.
A canela está associada ainda à redução da compulsão por carboidratos e doces.

Gengibre: assim como a canela, é termogênico, ou seja, induz o organismo a usar as reservas de gordura – o que, por sua vez, impede que ela seja estocada.


E para terminar

💁 THINSPOS 💁












































 Besos 💋




quinta-feira, 15 de fevereiro de 2018

Círculo vicioso

“Círculo Vicioso é uma sucessão, geralmente ininterrupta e infinita, de acontecimentos e consequências que sempre resulta numa situação que parece sem saída e sempre desfavorável, principalmente para quem se vê capturado por esse tipo de relação.

[...]

Uma definição é viciosamente circular quando o termo a ser definido reaparece na definição, ou quando a noção que está a ser definida está implicitamente contida na definição. Um raciocínio é condenado como viciosamente circular quando a conclusão está indevidamente escondida nas premissas, ou é indevidamente necessária para se chegar à conclusão a partir das premissas. Um círculo virtuoso é uma definição ou um argumento cuja circularidade é irrelevante para o fim em vista. Nestes casos, ao contrário do círculo vicioso, o reaparecimento do termo é virtuoso na medida em que, apesar disso, tem um uso restrito, dependendo dos fins para os quais a identificação for necessária.

O ponto de partida e a conclusão carecem de demonstração. Um é demonstrado pelo outro, formando assim um círculo.”

FONTE: WIKIPEDIA 


Eu tenho necessidade de substituir o meu círculo vicioso por um círculo virtuoso. Urgente!


Primeiramente sim, círculo, não ciclo. Falei errado durante todo esse tempo. Meu círculo vicioso - ciclo me soa melhor, mas sou escrava da língua portuguesa - é emagrecer um tanto e logo após recuperar o mesmo tanto, me mantendo eternamente escrava dos mesmos 4kg que eu perco e ganho perco e ganho, infinitamente. Meu círculo virtuoso se iniciará quando eu der fim nesses primeiros malditos 4kg. Inferno!
Eu continuo errando, em uma semana eu quase chego lá e volto com tudo. O período de foco sempre é mais curto que o de compulsão. Eu tenho sido uma péssima ana, uma vergonha alheia. Como pode a ana me querer assim? Não é possível!!! Sinto muita falta do meu foco.


Hoje é meu segundo dia de nf, a meta é bater as 48h, vou me pesar a noite e ver se o resultado foi bom, caso seja eu continuo até quando der. Teve uma vez que fiz 82h (acho que era 82, não lembro bem) e foi muito fortalecedor. Não se admirem porque nesse período eu estava doente, com a garganta muito infeccionada então as circunstâncias contribuíram bastante. Se eu desejo a infecção de volta? Eu não, Deus livre foi horrível. Eu desejo ter controle para fazer por mim mesma um NF tão longo quanto.


Ontem senti uma queimação terrível no estômago e muita dor de cabeça, mas isso não é nada comparado a ansiedade, medo, desespero e insônia que me acometem em meus NF's com franol. Isso sempre me desestabiliza e me faz fraquejar. A ansiedade não me larga, então eu como. É como se a comida pudesse me acalentar e me embalar num jardim de segurança. Dura dois minutos. Depois a culpa vem avassaladora. É uma explosão de xingamentos, lágrimas, agressões e depressão. Tarde demais eu me lembro dor passa culpa não dor passa culpa não dor passa culpa não dor passa culpa não! A dor passa, a culpa não. A culpa fica e te espreme até a última gota de vitalidade se esvair de seu ser. A dor é física e momentânea, a dor diminui junto com o peso, ou pelo menos ela vale a pena.


Parece um labirinto. Eu tento lembrar da primeira vez, lembro da sensação de perder de ver resultado e sinto meu coração se aquecer. Não foi fácil na época mas agora parece impossível e eu não entendo o que tenho feito de tão errado. Até melhorei meus recursos, minhas técnicas. Mas o resultado não vem. Não importa o que eu faça eu acabo com a cara na privada ou pior, com a comida no estômago. Eu quero simplesmente vir aqui e dizer “Hey MAGRELAS lá se foram 15kg”.


Infeeeeeeerno. Tenho vontade de gritar e esquartejar alguém, eu no caso. Ser gorda é tão triste. Gordas só comem e vegetam, comem e vegetam e quando morrem, geralmente elas infartam, dão trabalho para a família porque precisam de um caixão feito sob medida porque elas nunca cabem em nada nem na hora da morte!!! Eu já falei inferno?


Queria ter um palavrão extraordinariamente feio para falar agora e que de preferência não fosse um órgão genital. Vamos de inferno mesmo nem palavrão isso é que seja. Vocês vão me desculpando porque hoje eu não tô boa, o post não tá gostoso de ler porque EU não sou gostosa. Eu vou parando por aqui porque se eu falo inferno mais uma vez alguém vai soltar uma gargalhada aí do outro lado e eu serei obrigada a, assim como Samara, sair de uma tela e matar alguém.


Cuidem-se crianças, eu as amo e espero ler - e escrever - posts magros em breve.


Las amo


Besos de Fuego 💋

quinta-feira, 1 de fevereiro de 2018

Vergonhosos resultados

Oi magrelas, como estão?


Cá estou eu como prometido. Não postei ontem por um detalhe na minha promoção de internet, enfim. Esta semana o dia de pesar foi chegando e fui me sentindo desesperada, o mal pressentimento se mostrou uma eficaz premonição do que estava por vir. Decepção descreveria? Não, não. É uma palavra muito fraca se comparada ao que eu senti.
Deixe-me lhes explicar tudo desde o começo, para que possam compreender melhor minha situação. Desde o dia 06 de janeiro venho recuperando meu controle, não tem sido perfeito, tive algumas compulsões, mas nada comparado a vida que eu estava levando. Eu comia tanto, tanto... É admirável eu não estar pesando 100kg. Reduzi minha alimentação drasticamente, drasticamente meninas, tô falando sério. Antes do réveillon eu pesava 85.3kg (maior peso da vida), e depois do réveillon por volta do dia 04 eu pesei 84kg. A partir desses 84kg eu tracei minhas metas. Me empolguei e prometi perder 9kg em 25 dias, e foi o que tentei fazer nesses últimos 25 dias (até ontem). Preciso dizer que não consegui? Eu já sabia que não tinha dado certo, então eu pensei que se perdesse pelo menos 4,1kg para sair da casa dos 80 já estava de bom tamanho. Mas isso não aconteceu, eu não consegui nem isso mesmo passando fome pra caralho, mesmo fazendo exercícios duas vezes por dia, fazendo faxina e praticamente nem me sentando durante o dia. Não consegui. Eu pesei 81,5kg hoje, foram apenas 2,5kg a menos. "Mas Any isso é muito bom". É não, viu. Eu perdia 2,5kg numa semana da primeira vez que eu emagreci. EU NÃO SEI O QUE ESTOU FAZENDO DE ERRADO. Não sei. Vou procurar meu posts de maio de 2015 para descobrir o milagre, porque sinceramente, tô muito chateada. Consertei minha balança, era só a bateria o problema. Agora posso me pesar 500 vezes por dia pra ver se eu acordo pro inferno dessa vida. Já chorei muito e comi também. Gritei "foda-se tudo" e me tranquei no quarto. Minha irritação e tristeza eram tangíveis ontem.
Hoje é um novo dia e preciso mudar o plano porque desse jeito não está dando certo, eu queria muito emagrecer o mais rápido possível mas já compreendi que não vai ser no meu tempo, e que preciso arquitetar uma reação para que eu possa superar essa lentidão no meu corpo. Isso é algo que ainda me deixa intrigada. Eu tomo chá verde e de hibisco, tomo franol, café, tudo sem açúcar, como pouco e faço exercícios. Por que eu emagreci tão pouco em tanto tempo?!?! Sendo que da primeira vez nem chá não tomava, fazia poucos exercícios.
 Depois de grandes suspiros resolvi seguir em frente porque parar não é opção. Muitos planos a princípio, conforme eu for executando vou lhes contando. Além da dieta tenho feito cronograma capilar e comecei a pesquisar sobre o cronograma facial, que me parece ser uma ótima ideia. Tô pensando também sobre um protocolo para estrias e uma misturinha para celulites, além de um óleo porreta para crescimento capilar e um shampoo clareador natural, porém tenho pensado também em mudar a cor do cabelo o que faria desnecessário esse shampoo clareador. Enfim...
Num primeiro momento só posso falar do cronograma capilar, que é o que já faço e sei que funciona, conforme eu for testando o resto vou relatando para vocês. Caso queiram posso explicar o cronograma em um próximo post.
Por hoje é isso, vergonha passada, decepção sendo absorvida, foco no futuro,  porque pretendo trazer notícias melhores depois que executar o próximo plano. Voltei a responder os comentários de vocês nos posts. Qualquer novidade corro aqui amorecos. Los amo.


Besos de Fuego 💋

terça-feira, 23 de janeiro de 2018

"A bola é redonda...como você!"

Oi crianças, estão mais magras hoje?
Espero que estejam.



Saibam que a ana não tolera gordas relaxadas que fingem estar fazendo algo por si mesmas, quando na verdade estão enganando ao mundo e a elas próprias, repetindo erros e andando em gordurosos círculos viciosos. Se você é da vibe “sou linda do jeito que sou” e propaga o positive body leia-se gorda frustrada tentando ganhar espaço na sociedade queridinha este é o blog errado para você. “NOOOSSA Any, para que tanto ódio?” É que estou com raiva mesmo, de mim, no caso. Não tenho cumprido minhas promessas à risca, tenho negligenciado as atividades físicas e feito só metade do trabalho direito. São nf’s interrompidos e lf’s mal acabados. Fico firme no inicio do dia, mas perco o controle, as vezes no entardecer, as vezes ao anoitecer. Isso é ridículo para alguém que diz ter uma grande meta e um compromisso com a ana. Por sorte ela realmente está aqui – vejo seus vultos em corridinhas furtivas pela casa – e está pegando no meu pé para que esse bonde ande mais rápido. A questão é que apenas um mísero quilo se foi e minha indignação em relação a minha postura de gorda atrasada que precisa ser extinta desse corpo é gritante. Nos meus cálculos já deviam ter ido pelo menos 5kg. Provavelmente minha meta não será batida, mas de jeito nenhum me entrego a vergonha de desistir e arranjar desculpas esfarrapadas. Dia 31 vocês vão saber da meta e do peso perdido nem que seja para eu passar vergonha. E tenho dito.



Hoje meu dia foi bem melhor, fui abençoada por uma sereia - leia-se Ravena - que pega no meu pé e me ameaça de morte periodicamente se eu ousar comer ou não me exercitar. Devido ao meu medo de ser morta com uma faca de serra cega, como consta nas ameaças, hoje eu mexi minha carcaça gorda e fiz alguns exercícios. Fiz duas refeições – uma dentro e uma fora do plano :/ - a primeira consistia em uma concha de feijão preto, uma colher de servir de arroz e um ovo cozido; e a segunda em quatro colheres de sopa de arroz e quatro colheres de sopa de feijão branco, respectivamente. Devido a esse deslize noturno fiz uma sessão de exercícios localizados e ioga, além do ciclo de Queima 48h que fizera após o almoço. De forma nenhuma tomem como exemplo essas minhas refeições descabidas de completo sentido. O correto seria uma fruta, salada, vitamina (atentando aos ingredientes), uma proteína pura ou um suco no almoço e a noite o mais puro vazio medicinal da ana, aquele que você confia. Prometo não mais falhar. De qualquer forma comi menos que ontem e ter me mexido já significa algo. Eu compensei as malditas calorias extras com exercícios, dependendo da quantidade é bem eficaz, já se a compulsão foi plus melhor miar mesmo.



Agora que tenho um espelho estou me exercitando frente ao mesmo, e é muito ridículo mas bom para provocar choques de realidade. A boa notícia é que já aprendi um movimento de funk simples – não eu não sei o nome, mas é mais ou menos isso que nossa querida Anira faz no inicio do gif:



Eu executo bem, mas de jeito nenhum fica sexy porque estou gigante, mas vou treinando desde já para chegar na magreza já sabendo. Almejo ambiciosamente dominar o quadradinho. “Mas Any por que raios você quer saber funk?” Primeiro porque agora eu gosto de alguns funks, segundo porque é sexy e terceiro porque queima muita caloria e deixa abunda dura. Basicamente aprender funk é uma das metas de 2018, - que inclusive tá difícil organizar esse negócio de meta, porque tem umas muito claras e outras totalmente turvas. Estive observando meu corpo hoje nesses momentos de exercícios físicos e pude notar como sou desproporcional. Tenho boas pernas, livres de culote mesmo estando obesa (IMC 33.2), os músculos ainda saltam nos movimentos de força, tem uma camada grossa de gordura e celulite entre as pernas, mas não tendo a me preocupar porque perco perna muito rápido. Infelizmente o mesmo não acontece com o tronco e os braços. Tendo eu uma estrutura óssea do tipo triângulo invertido, a parte superior do meu corpo é bem mais larga e acumula muita gordura. Terei que me esforçar o dobro para dar fim aos braços grossos e barriga saliente. Minha meta é ter o corpo como um Angel da Victórias’s Secrets é nessa parte que vocês riem alto, como tenho apenas 1,59m vamos compactar a ideia e pensar em Ariana Grande que é 1cm menor que eu. O que quero dizer é que desejo ser uma magra de verdade, mas durinha e com curvas leves. Minha pequena Ari não tem a mesma estrutura óssea que eu e tenho plena consciência disso, mas de qualquer forma ela é a meta. O objetivo é agregar os exercícios a dieta e uma série de cuidados com a pele, cabelo e unhas para que eu possa ficar o mais insuportável possível, vulgo perfeita.



E quem chegou até aqui merece 3kg a menos. Adoro conversar com vocês minhas magrelas, espero voltar com boas notícias, cuidem-se, as amo.