sexta-feira, 15 de novembro de 2013

escrevi a uma amiga 13/11/13

Amiga... Não queria reclamar mas preciso da sua ajuda urgente. Minha vida esta uma lástima (novidade) e já não consigo focar no quero ou não. Tenho q me submeter a situações extremamente incômodas, como por exemplo, dormir com meu namorido e sonhar com o outro. Morro de vontade se sair com meus amigos, de curtir... Não posso! Se eu terminar com o Diego, o mundo desaba. Se bem q dentro da minha cabeça não pode ficar pior. Mas, não posso colocar os outros, inocentes dentro da minha depressão. Minha filha não tem culpa. Não terei filhos nunca mais... Não posso imaginar ela me perguntando onde esta o pai dela. E o outro não sabe (ainda) q tenho uma filha, mas vai logo saber. Não suporto mais mentiras, e humilhante Sacrifico toda a minha felicidade. Não suporto mais. Outra coisa q me impede de acabar com isso, e dinheiro, dependo do meu namorido, ele sabe e se aproveita. Sou muito apegada a bens materiais, minha vida de patricinha mimada não permitiria ser simples. Se faltasse algo pra minha filha, não poderia me perdoar. Passo um dia conformada, minha vida e essa, fui eu q fiz assim... A culpa e minha. Ontem se matou uma menina, quase da minha idade (16 anos) não sei exatamente quanto. Ela era bi, a mãe dela evangélica, não aceitava. Vazou um vídeo dela com um garoto e uma menina transando. A mãe dela deve ter a torturado. Ela se enforcou com o cabo da chapinha. Minha mãe chamou ela de burra e outros nomes Idiotas. Disse q ela vai pro inferno, q Deus não aceita o suicidio. Só tive vontade de falar pra ela isso: Mãe, quando uma pessoa esta triste, a dor e insuportável. E só se pensa na cabeça acabar com aquela dor. Mas aí seria demais.

13 comentários:

  1. Como me angustia te ver nessa situação princesa... Você precisa organizar seus pensamentos, avaliar se esse sentimento pelo outro não é idealização e principalmente ESTUDAR, para que num futuro próximo não dependas de ninguém. Tudo de bom :*

    ResponderExcluir
  2. Eu nem posso imaginar o que seja estar passando por isso, mas concordo com a Ludvika...tire um tempo para você pensar e avaliar o que você quer e o que precisa...e se dedicar nos estudos é sempre uma boa escolha é a maneira mais rapida para buscar sua indepêndencia financeira, quando a conquistamos não ficamos a mercê do bom humor alheio, das chantagens etc...E você ficará mais forte para sua filha também, Desejo muitas melhoras pra você flor, e tudo vai se resolver no seu tempo.

    ResponderExcluir
  3. Oi Any!

    Amiga as vezes é preciso regredir para alcançar um progresso ainda maior.

    A separação é dolorosa para ambos,mas se não existe mais amor não há outro remédio,é impossível ser feliz com um homem pensando em outro.
    E mesmo que momentaneamente você precise trabalhar e estudar ao mesmo tempo para sustentar a sua filhinha,e mesmo que por enquanto vc peça ajuda aos seus pais e família, é claro que o pai também pagará uma pensão para a sua princesa,afinal hoje em dia deixar de pagar pensão é a única coisa que mantém um indivíduo na cadeia automaticamente,pois barriga de filho não espera,é lei amiga.
    Quanto a um dia explicar para sua filha que o amor entre o pai dela e você acabou será natural,não tenha medo disso,a guarda compartilhada é a melhor forma de fazer um filho compreender que independentemente do relacionamento de vocês dois, serão sempre pais presentes na formação do caráter da filha de vocês,isso é o que realmente importa.
    E não é justo,não é coerente, não é necessário que uma garota tão jovem sacrifique a sua juventude do lado de alguém que já não ama mais.Milhares de casais se separam amiga, todos os dias, e observe que eles não deixam de levar suas vidas adiante,não deixam de viver outros amores,não deixam de se respeitar só pq não se amam mais,não deixam de ser pais,deixam de ser amantes só isso,o mundo não acaba junto com um relacionamento,garantido.

    E procure estudar durante a noite,trabalhe durante o dia,uma vida mais simples é um sacrifício menor do que o que vc faz hoje e mais importante pq será a base para dar o essencial para sua filhinha,não acha que isso é mais importante do que ser patricinha?
    Conforme vc for aumentando seus anos de estudo,aumentará seu salário e vc voltara a ser uma mulher refinada,até mais que antes pq agora o dinheiro será seu,amiga!
    Ser pobre não é defeito amiga,trabalhar e estudar ao mesmo tempo é digníssimo ainda mais quando se tem uma filhinha linda pra cuidar,um dia vc dará a volta por cima e verá que todo seu empenho valeu apena!E quando a sua filhinha crescer terá orgulho de ter uma mãe batalhadora,que aos pouquinhos subiu na vida,tem preço isso?

    No meio de todo este processo vc terá algumas oportunidades de sair com seus amigos,será uma mulher livre para o amor, e quem sabe um dia vc se apaixona novamente,se casa de novo e talvez deseje ter mais filhos com o sangue daquele que realmente te ama...

    Faça um sacrifício para se livrar de outro sacrifício maior ainda,e com garra,lutando dia após dia ,você vencerá amiga,a vida é maravilhosa basta ter olhos para ver!

    Quanto a guria que cometeu o suicídio,tenho uma teoria: só tira a própria vida quem entra em grande desespero diante do fato de não conseguir conviver com a dor,e que a morte planejada é a última vontade do suicida.Então não cabe o nós mortais dizer se Deus pode ou não perdoar,pois só Ele conhece o coração de cada um verdadeiramente.

    Comece a viver Any não permita que passe o tempo,não permita que vc perca toda sua juventude vendo a vida passar pela janela,não se deixe sofrer mais,você pode mudar seu destino,e pode começar agora,erga-te mulher!

    Eu acredito que vc seja maravilhosa,que seja uma mulher forte, uma mãe determinada e que haja algo de magnífico dentro de vc que fará com que seus sonhos se realizem,essa vontade de vencer vai mover você,vai guiar você,vai suprir todas as suas necessidades,vai encher a sua vida de amor e alegria,é disso que eu tenho certeza!

    Beijinhos e sucesso ^^

    ResponderExcluir
  4. Olha, não sei o que posso falar pra te ajudar, porque é difícil ser otimista, quando você também está passando por uma situação de declínio. Minha vida está péssima, e por mais que eu busque outras perspectivas, parece que é tudo incerto, que nada pode me deixar ou fazer feliz.

    Tem uma frase, que procuro me espelhar, em que diz: Você nunca sabe a força que tem, até que a sua única alternativa é ser forte.

    Não podemos desistir...

    ResponderExcluir
  5. Eu também estou passando por uma fase ruim e é até difícil de aconselhar, mais vamos lá. Se você não ama mais o seu namorado o mais correto é que você seja sincera com ele e com você mesma, procure esclarecer seus sentimentos primeiro coloque tudo balança, se não quer depender dele procure um trabalho que vai te fazer bem e te dar estabilidade financeira, e sua filha garanto se você estiver feliz ela também vai estar. Boa sorte.
    Stay Strong!

    xoxo

    ResponderExcluir
  6. Minha Any pefeitaaaa .
    que saudade eu tava de vooc , sempre me ajudou taanto *--*
    E olha e li os post , realmente nao sei o que mais te dizer sendo que a ( Anita perfeita ) ja disse tuudo . Eu li o coment gigantee dela e é muito bonito e encorajador muito bem escrito. todas tentaram te encorajar . Espero que voc leia e reflita .
    Mais como eu to com mtt saudade ,mais nao vo ser fofinha com voc minha amiga .vo joga a real minha any linda
    Patricinha poha nenhuma , se vc nao gosta mais dele larga ele simples assim ,a vida de conforto é otima para a sua filha mais uma viida melhor ainda é conviver com os pais em harmonia . E pode ter todo o dinheiro do mundo mais nao vai ser suficiente se nao tiver amor nesse casamento . Ficar casada só pela sua filha nao vai ser bom pra ela nem pra voc . Entao se decidir largar ele vai te que da pensao o que vai garantir o conforto dela . E ai voc vai tratar de estudar e trabalhar para qe no futuro possa garantir o SEU CONFORTO . Fui rude siim mais é por qie eu gosto realmente de voc minha flor, sinto como se fosse minha amiga a anos ... runm e escuta todas nos minha linda.
    Beijooo e taaqe o numero do meu WhatsApp: 1995304897

    ResponderExcluir
  7. Ja tentei me enforcar também com fio da chapinha, meu irmão viu e me impediu. Nao se deve julgar outro nunca.

    ResponderExcluir
  8. Bom dia!
    Você precisa mesmo tirar um tempo pra você mesma, avaliar se são esses mesmos os prós e os contras, e só então tomar uma decisão.
    Conte comigo pro que precisar.
    Obg pelo comentário.
    Volte sempre <3
    www.venenosdepelucia.blogspot.com

    ResponderExcluir
  9. Oiii querida, obrigada pela sua visita em meu blog, suas palavras são de extrema importância para mim, mas vi que vc tbm ñ está passando por uma faze boa, aff isso dói na alma. Eu sei que é uma situação delicada e que todas as meninas aí em cima já falaram td o que podia ser tido, mas como eu ainda ñ falei...hehe
    Na minha opinião, acho que vc deve correr atrás da sua felicidade independentemente de qualquer coisa. Meus pais se separaram quando eu tinha 9 meses de idade, durante a minha infância eles tentaram voltar mas nd deu certo e eu ñ entendia direito aquela situação, e claro, sentia falta do meu pai sim, mas a minha mãe fez de tudo por mim e minha irmã, nos deu amor, carinho e tudo mais que uma criança precisa, tanto é que assim que cresci um pouco compreendi o pq dos meus pais ñ estarem juntos e foi a melhor coisa do mundo, ñ só pra minha mãe, mas pra minha educação tbm. Aprendi muito mais com minha mãe do que com meu pai, tenho certeza q se ele tivesse ao meu lado a minha infancia toda, seria uma pessoa totalmente diferente e pra pior. Claro que cada caso é um caso, tbm ñ estou dizendo q meu pai é um carrasco, mas a falta dele me aproximou mais ainda da minha mãe e nós eramos muito mais do que mãe e filha, éramos melhores amigas, irmãs. Minha linda, estou tentando dizer que pra td nessa vida tem solução, não deixe ninguém tirar isso de vc. Estude, corra atrás de uma formação e da sua independencia financeira, aproveite sua juventude e quanto a sua filha, ah ela vai ficar bem, pois com vc estando bem, ela tbm ficará, acredite em mim. Desejo muita força pra ti e não desanima não flor, vc sabe o que fazer....

    Bjo

    PS.: pra ñ te confundir preciso explicar uma coisa: até meus 12 anos morei com minha mãe, e hj moro com meu pai rsrs

    ResponderExcluir
  10. Oi,
    meu nome é Marina e eu estou aqui pra te pedir uma ajudinha..
    estou fazendo um trabalho sobre anorexia e estou precisando de resposta para um questionário.
    Não sou daquelas que venho mudar a cabeça de ninguém, muito pelo contrário, estou fazendo o trabalho apenas para entender vcs.
    Se puder me ajudar, ou alguém que esteja lendo também possa, me mande um email: marinamsm2013@hotmail.com
    Desde ja agradeço. :)

    ResponderExcluir
  11. oi !Eu criei um blog recentemente ...e eu convido as borboletas pra me seguir! Eu amei seu blog é fantástico e eu tb estou numa fase mt triste a 2 mêses fui demitida sem justa causa do emprego que eu era apaixonada,o cara q eu amava me trocou por uma mais magra e noivou com ela,eu to sem emprego nao vou ter como ir pra faculdade ano q vem,e a ana chegou com tudo.Então eu criei o meu bloguinho e está sendo a única forma de alento e refúgio e conhecendo historias tão dificeis qt a minha,e sobre sua vida,eu penso um seguinte que não adianta vc ficar com um cara a vida inteira sem ele estar com vc,se vc nao o ama é pq ele não ele não te corresponde.Bens materiais são importantes,imagine !Se um dia eu tiver um filho ele vai ter q ter tudo o q eu não tive,e olha pode ter certeza q pela justiça vc pode conseguir os benefícios,agora pra vc o benefício virá da sua decisão de mudar o seu destino e ficar ao lado das pessoas q realmente te amam e estarão lá qd vc precisar .Bjs pra vc e mt luz e paz http://anaangelmeajudeaserfeliz.blogspot.com.br/2013/11/fui-um-bebe-obesouma-crianca-obesa.html

    ResponderExcluir
  12. Oi tudo bem, adorei o seu blog e estava lendo no outro post seu sobre add meninas no whatsapp, entao, vc ainda ta add? Se tiver eu passo meu cel pra voce!!
    PS: nao consegui comentar no post que vc fala sobre isso. Beijos!!

    ResponderExcluir
  13. nossa q situaçao..
    como q funciona isso?
    vc deixa sua filha com quem quando ta com ele?
    e como tenciona lhe contar isso? ja pensou em como ele vai reagir?
    é complicado , espero q de tudo certo..
    Boa sorte e força
    Beijos
    J.S

    ResponderExcluir