sexta-feira, 20 de fevereiro de 2015

Inveja

Hoje é um dia péssimo, dia de luto. Um dia triste que eu odeio com todas as minhas forças. Hoje é aniversário da minha prima perfeita. Claro, ela vai ter festa, uma festa supresa porque o "sonho" dela é ter uma festa supresa :/ sou obrigada a participar da palhaçada e usar meu lindo sorriso falso. Mas Any porque tanto ódio? Porque tenho vivido na sombra dela desde que a conheci. Lembram? Quando fizemos 15 anos ela escolheu meu pai e meu marido pra dançar valsa com ela, o pior dia... Ela estava linda, maravilhosa e eu tão gorda tão ridicula. Depois da valsa fui chorar no banheiro. Ela sempre foi linda, a mais linda. Sempre foi o destaque, a protagonista. Na igreja, quando tínhamos uns 6/7 anos participavamos da coroação de Nossa Senhora. Eu oferecia as palmas, cantava um trechinho pequeno, vestia uma bata branca enorme de brim, minha mãe tentava arrumar meu cabelo de alguma forma mas os cachos rebeldes não permitiam e tudo ficava feio. Já ela, bom ela ficava no lugar mais alto, claro ela era o destaque coitada da Santa, minha prima ofuscava até a imagem. Ela vestia uma bata de cetim perola branca ou azul clarinho, com asas enormes cheias de glitter e plumas, coroa de strass na cabeça contornando o cabelo castanho-liso-perfeito que caia até a cintura, de luvas de renda ela cantava uma bela canção enquanto coroava a Santinha. Depois todos na igreja iam tirar fotos com ela e parabenizar minha tia "Oh! Que menina linda, que prodígio, que perfeita!" Foram 4 longos anos assim, durante 3 destes 4 anos conhecemos aquela novelinha teen REBELDE não sei se já ouviram falar? Bom, me apaixonei por Mia Colucci, estrelinha na testa e saias de babados. Eu, a prima e minha BFF fizemos uma banda cover haha não cantavamos, só interpretavamos mesmo. Mas eu não era a Mia, eu tinha que ser a Roberta. Mia tinha que ser minha prima porque ela era magra e tinha a franjinha, por isso era mais parecida. Brilhamos muito, nos apresentamos bastante mas nunca foi completo, nunca foi perfeito. Na primeira eucaristia tiveram que trocar os catequistas, minha achou que não estava "preparada" e me fez estudar mais 2 anos, então ela fez a eucaristia antes de mim com um lindo vestido alugado, com luvas de renda, saltinho e arranjo no cabelo armado com cachos falsos, teve uma festa enorme. Na minha vez não era mais permitido o vestido de princesa porque era injusto com as meninas que não podiam pagar, então lá fui eu com a blusa da igreja e uma saia no joelho :s foi a missa mais longa da minha vida. Ela fez Crisma ano passado, eu devia ter feito também mas o padre não deixou porque moro com um homem e vivo no pecado, não posso nem comungar então não me aceitaram. Nem a igreja me aceita, quem dirá eu mesma. Ela se crismou e fez uma linda festa. Hoje deve ser a centésima festa dela que serei obrigada a ir, ver ela com uma roupa nova obviamente porque ela é uma patricinha perfeita que quase nunca repete roupa, com o cabelo loiro, longo, liso natural, com aquela cara de boneca. Minha mãe ama ela, diz que todas tem inveja porque minha prima é linda. Nenhuma das minhas amigas gosta da L* (minha prima) e pra minha mãe é pura inveja, ela compra presentes caros pra L* e faz absolutamente tudo que ela pede. É tão desgastante pra mim. Tenho que ouvir as histórias românticas do namorado rico e estudante de medicina (só pra constar) que faz surpresas e manda flores, ursos, chocolates, roupas, que paga ensaios fotográficos e viagens pra ela. O pior ainda estar por vir, a formatura dela. Não ela nem começou a faculdade ainda, porque os cursos os quais ela passou não são "bons" o bastante pra ela, ela não faria administração NUNCA. Mas um dia ela vai se formar, e vai ser antes de mim, e eu vou ser obrigada a ir e aplaudir ela. Quando ela casar, eu vou ter que ir e aplaudir. É insuportável, um beco sem saída. Eu tenho inveja dela, ela é um exemplo de menina perfeita, um modelo tanto na aparência como no jeito de ser. Ela fez tudo direito no tempo certo. Ela não é uma gorda problemática que pariu aos 14 anos. Menina de ouro. Tenho inveja, inveja, inveja. Porque ela não me deixa em paz porque não some da minha vida, porque ela não vai ser perfeita longe de mim? Gosto tanto dela :( mas não agüento ficar perto.

17 comentários:

  1. Flor... eu sei como é se sentir assim, achar que as outras (da propria familia ou de fora) eu sei como é se sentir assim.. e isso só corroi por dentro.. sei que essas palavras nao farao voce mudar de ideia pq, quando me falaram, nao me fizeram mudar de ideia, mas eu aprendi com o tempo, claro que só tenho 17 anos mas, ja sofri muito, ja me bateram, ja me cuspiram, manipularam minha mente e me fizeram chorar e me cortar durante anos por conta de minha aparencia e um dia, eu apenas cansei, cansei de ser manipulada pelos outros e resolvi viver, resolvi respirar e dar adeus a esse espelho ou as pessoas que eu achava que eram perfeitas... eu sei que voce é linda, por dentro por fora, voce é linda, e sua prima bem, ninguem é perfeito, sera que... ela nunca passou por problemas familiares? tenho uma colega que ela é linda, maravillhosa mas... ela passa por tanto problema com os pais dela, que quando eu soube, chorei, nunca pensei isso pq ela nunca falava e sempre pareceu ser a guria perfeita da vida perfeita e foi ai, que notei que ninguem é perfeito... se ela é chata ou nao, linda ou nao, é ela, voce tem que procurar a sua felicidade, eu sei que é dificil mas, voce nao esta sozinha, sorria mais , mas sorria de verdade, de coração, sorria com o coração... eu espero mesmo que voce se sinta bem... me desculpa se voce se sentiu ofendida com alguma palavra minha mas... eu sei o quao é ruim isso, e o pior é conviver com isso.. espero que voce fique bem... eu espero de coraçao... beijos flor.

    inocentementeingenua.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Sei como é... ter inveja, ódio e ao mesmo tempo amor... não poder ser igual a alguém que vc admirar e inveja em tudo... no meu caso sou a sombra da minha irmã.. tudo nela é perfeito aparência, atitudes, futuro, vida praticamente feita, inteligente, consegui tudo o que quer... menos eu.. sempre fui a segunda opção da família... nunca chegarei aonde ela chegou... foi chamada tantas vezes pra ser modelo e ela nunca quis, já eu sempre quis...um sonho que nunca virá pra mim... dói muito isso... mas quando sua prima tiver mais alguma festa não vá obrigada... às vezes temos que dar a nossa própria opinião o que queremos fazer, aonde ir...espero que vc fique bem anjo... erga a cabeça e siga em frente <3 bjos!!

    Qualquer coisa é só chamar ^^
    http://anamiathinmagrinha.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  3. Lindinha,

    Encontrei seu blog e tomei a liberdade de te escrever pois há não muito tempo me encontrava na mesma situação que você.
    Vim falar porque eu sempre adorei comer, por isso NF e LF não se encaixavam direito na minha rotina: resolvi miar. Acabei destruindo meu esôfago e meu estômago e hoje ainda tenho dores tão fortes que as vezes não consigo levantar da cama.

    Comecei nesse processo desde muito cedo porque sempre quis emagrecer. Todas as minhas amigas eram magras e os garotos sempre eram afins dela e não de mim… Minha prima é magérrima e sempre zombou de mim também, era horrível, nós temos dois meses de diferença, só.

    Passei por situações horríveis com o passar dos anos até que tomei coragem pra mudar; e a Ana e a Mia pareceram ótimas possibilidades.

    Só que, o que os blogs não nos contam é que NF, LF e miar nos fazem ter surtos com comida. Em dias mais sensíveis (nós, mulheres, temos todo o nosso corpo - inclusive o apetite - influenciados pela lua), não resistimos e atacamos o que vemos pela frente. Isso nos faz sentir culpadas e nos leva a nos cortar ou punir… E o corpo entra num efeito sanfona, ganhando e perdendo peso muito rápido, enfraquecendo nossa pele e atrapalhando nosso metabolismo.

    Não ganhamos nada olhando no espelho e repetindo que estamos gordas e horríveis. Nada mesmo, nem biologicamente falando: nosso metabolismo não reage bem à situações de estresse. Viver no estresse constante que é não comer (por mais que não seja consciente, um corpo sem comida estressa todos os órgãos) pode ser um grande impecilho para nosso emagrecimento.

    Cheguei aos meus 18 anos com muito sofrimento. Nunca cheguei a ficar magra como as meninas dos blogs, nunca consegui.
    Tentei, então, criar uma relação mais amigável com o meu corpo. Sabia que seria muito lento, mas diante da situação em que me encontrava, não era como se eu tivesse mais muitas opções.
    Foi um emagrecimento bem lento, e é claro que não estou totalmente satisfeita hoje… acho que nunca estarei, porque o padrão irreal que me é vendido ainda não saiu completamente da minha cabeça… Mas uma perspectiva mais “body positive” e de amor próprio me ajudou a perceber que não devo procurar aceitação nos outros (até porque, se alguém te ama, não se importa com isso. quem tentar te dizer o contrário está mentindo, e eu digo porque acreditei nisso por longos anos da minha vida).

    Eu percebi que amar a mim mesma é um processo tão importante e nós passamos a reluzir, existir e vibrar em tanta luz e amor que passamos isso para as pessoas ao nosso redor! A partir do momento em que você se aceitar e amar a si mesma, você vai perceber que os outros também farão, mas, mais importante que isso, vai perceber que não importa o que eles pensem (de verdade, não da boca pra fora).

    Te juro: não sou psicóloga ou alguém tentando te dar lição de moral às três da manhã. Estava reacessando os blogs que entrava, caí no seu e me saltou aos olhos e, por alguma intuição inexplicável, achei que devia te mandar uma mensagem. Desculpa se estou sendo invasiva, nunca fiz isso, mas senti que devia.

    Espero que você consiga ser feliz consigo mesma, lindinha. Nós somos todas merecedoras de amor e muito mais complexas que um número vazio na balança. Muita luz, força e paz para você!

    Fica aqui o link de uma música que adoro: https://www.youtube.com/watch?v=GXoZLPSw8U8 :)

    ResponderExcluir
  4. É muito triste se sentir assim...
    Amiga estava com saudades dos seus posts
    mais não tenho palavras pra te animar
    espero que esse sentimento saia da sua mente
    bjs

    ResponderExcluir
  5. Fadinha , que situação difícil né? Olha , eu já passei por isso e o meu conselho é q evite esses eventos , pra que fingir que ta feliz e ta gostando ? seilá , fica em casa , inventa uma desculpa pra nao ir ... evite ficar se maltratando .... vai por mim , melhora muito ;)
    sou nova aqui então me perdoe se estou me intrometendo dms , bjao fadinha !!! *---'

    ResponderExcluir
  6. Eu super te entendo. A grande merda é que não ter onde apontar o defeito...É não ter por onde dar uma justificativa para esse sentimento que não é só inveja é nossa auto reprovação, nosso sentimento de falha a frustração de não ter alcançado algo e ter outra pessoa que faz tudo tão bem que nem parece que sofre. Aí eu penso...talvez você também pense, se fosse você no lugar dela a frustração teria acabado? No meu caso duvido mas seria menos doloroso talvez.

    ResponderExcluir
  7. É complicado. Lendo seu texto, parei para pensar e vi que talvez eu tenha passado por isso, sempre a margem da prima perfeita. Mas olha, você é casada, tem uma família, isso deve ser motivo de orgulho, você já é melhor que ela nesse aspecto, e tenho certeza que em vários outros.

    ResponderExcluir
  8. Uau, imagino como vc deve ter se sentido esses anos todos, mas eu tbm acredito em vc! Acredito que vc pode brilhar sim e mto! Forças linda... bjos

    ResponderExcluir
  9. Uau, imagino como vc deve ter se sentido esses anos todos, mas eu tbm acredito em vc! Acredito que vc pode brilhar sim e mto! Forças linda... bjos

    ResponderExcluir
  10. Desculpa, mas eu vejo o defeito nela, ela é apenas mais uma prostituta que os cults chamam de hipergamia, apenas mais uma depósito de esperma que busca um marido que a banque...
    Pelo menos minha mãe não me fez aturar os parentes chatos que no caso eram 98% deles. Tenha forças, que logo você irá vencer.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  11. Flor, não fica assim... Isso só vai te fazer ficar pior cada dia mais. Olha sua prima pode ser bonita e blablabla... mais cada um tem sua beleza e VOCÊ TEM A SUA!
    E se para nos sentirmos melhor e passar uma imagem melhor de nos precisamos ficar de NF, LF pelo resto da vida vamos fazer isso. Mais saiba que vocÊ tbm é uma mulher importante e linnnda sim!
    Só vamos buscar, cada dia mais ser linda. Linda e magra kkkk
    E olha não se esquece, você é capaz de ter e conseguir tudo que almejar! ENtão tenha FOOOCA, E FORÇA!
    Beijinhos, nova aqui.

    ResponderExcluir
  12. eu acredito que NINGUEM seja perfeito. tem modelo no auge da carreira que se mata. todo mundo tem problemas.
    o negocio é fazer o seu melhor, foco em vc, fodam-se os outros. se vc nao se sente bem lá, nem vai, inventa qq coisa p nao chatear ela e pronto.

    ResponderExcluir
  13. Vou te mandar a real por dois motivos, primeiro porque sou sua amiga e segundo porque as amigas dizem a verdade que nem sempre você gostaria de ouvir, no caso ler.
    Em que mundo que você está vivendo, hein?
    Eu sei que vc é uma guria muito jovem ainda, o fato de ter sido mãe aos 14 anos certamente te fez amadurecer aceleradamente e te colocou em uma outra situação, e foi tudo tão rápido que vc ainda não teve tempo para processar seu papel agora na vida, isso é natural.
    Leia o que vc escreveu, vc relatou os tristes acontecimentos da sua infância, não eram momentos ruins, mas vc se sentia DIMINUÍDA do lado da sua prima.Com o tempo vc acreditou que ela era melhor que vc, e hoje a presença dela na sua vida é o caos.
    Engraçado que ela interpretou a Mia,pois a Mia não existe, nunca existiu, é só um personagem adolescente irreal. Prefiro vc, pois a Anahí sim é uma mulher real, uma musa de verdade.
    O que eu quero dizer é que esses episódios já passaram, e graças a Deus não voltam mais, o que aconteceu não tem nenhuma importância.
    A infância acabou, foi-se o tempo da criancice, já é hora da criançada!
    Você não é mais uma criança,vc já tem uma criança para educar!
    A maternidade sem dúvida é divina, é uma realização na vida de uma mulher, ser mãe não te faz ser INFERIOR a sua prima, de jeito nenhum.
    Eu sinto muito em te informar, mas eu amo cachos, crianças com cachos parecem anjos, ou vc não reparou nas próprias esculturas da igrejas os anjinhos cheios de cachinhos?
    E não é só eu que penso assim, hoje existem produtos para quem quer ter cachos,salões especializados em cabelos cacheados, a beleza está nos olhos de quem quer ver, aliás por isso existe babyliss!
    Então o fato do seu cabelo ser cacheado não te faz MENOR e nem PIOR do que a sua prima.
    A opinião da sua mãe e parentes sobre a sua prima em nada influi na sua vida, é só vc que se incomoda, faz um favor pra si mesma IGNORE a sua prima, VOCÊ NÃO É OBRIGADA A IR NAS FESTAS DELA diga que vc estava cuidando da sua vida,porque uma mãe, estudante e esposa tem muito o que fazer para desperdiçar tempo com festinhas fúteis!Se vc se negar a ir seu marido não irá, guarde seu homem em casa e dê uma festa particular para vcs dois!
    Afinal o tempo das comparações já passou, vocês são grandes demais e tem vidas opostas demais para competirem com a atenção dos parentes, essa fase afundou!

    Continua...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Continuando...

      Chega de brincar de sentir inveja da priminha, você já cresceu gata, tem uma filha linda que te ama e um marido que está louco para ver uma mulher forte sair de dentro de você!EVOLUA!
      Mas espera aí, por que vc gasta sua energia com uma prima mesmo?
      Sua vida é sua só vc a pode viver, se concentre em você, vc tem mais que se preocupar com a sua filha e com o seu homem, porque a igreja aceitando ou não vocês são uma família, e a sua prima é só uma parente insignificante e ponto.
      E se ela faz isso ou aquilo é problema dela, cuide da sua vida, isso não é problema seu!
      E vc vai se formar quando for possível, no seu tempo, concentre-se nos seus estudos e chegará lá, muitas mulheres que são mães e esposas conseguiram estudar,vc também conseguirá, porque o mundo não gira em torno do umbigo da sua priminha mimadinha.
      Na boa amiga, você é o espelho da pessoinha mais importante do mundo:a sua filha.
      Sai da sombra dessa prima e comece a ser você mesma, faça por onde dar a volta por cima, fique linda, esteja sempre maquiada e bem arrumada em qualquer peso, e dê orgulho pra sua guria, desperte o desejo do seu marido, isso é o que realmente importa!
      Você tem o direito de lutar todos os dias para ter um peso menor e um corpo melhor, o faça por vc Anahí, o faça em nome do seu amor próprio, e se vc acha que não o tem trate de adotá-lo AGORA, chega de se humilhar, erga-te mulher!
      Sua infância não foi como vc queria, seu corpo não é como vc queria, sua filha não chegou na hora que vc queria, mas a vida está aí batendo na sua porta hoje, lhe cobrando uma posição de mulher, vai lá minha DIVA levanta essa cabeça, enxuga as lágrimas, vista a melhor roupa para hoje, escolha o batom mais lindo, abra um sorriso do tamanho do mundo e arrasa!
      Você é a estrela da sua vida Anahí, se permita brilhar e ilumine todos que estão ao seu redor!


      Beijo da Anita =*

      Excluir
  14. Olá, tudo bem?
    A Anita tirou as palavras da minha boca...
    Viva o hoje, brilhe a cada dia. O melhor que você faz é desfazer esse sentimento...
    Vim retribuir seu comentário e suavisita lá no meu blog!
    Fique a vontade pra voltar lá quando puder!
    Beijinhos :*
    Venenos de Pelúcia

    ResponderExcluir